Dicas para não jacar num restaurante Japonês!

Oi gente!

Se pudesse, eu comeria comida japonesa todos os dias, tamanho é o meu amor pela culinária oriental! Ainda mais que aqui no meu bairro tem um rodizio muito barato, é difícil fazer meus pés não caminharem até lá. hahaha

O grande problema é que a comida japonesa, ao contrário do que muita gente pensa, não é tão saudável assim. Veja bem:

 O arroz, presente principalmente no sushi, possui como um dos ingredientes principais o açúcar. A cada meio quilo no preparo dele chega a ser usado até 200g de açúcar.

 O shoyo é uma bomba de sódio, até mesmo o light. Segundo o Dr Dráuzio Varella, a quantidade recomendada de sódio por dia é 2.000mg – equivalente a 5g de sal. E uma única colher de molho Shoyo chega a ter quase 1000mg! E num rodízio a gente consome beeeem mais que uma colher de chá desse molho de soja né? Ou seja, numa única refeição, a gente ultrapassa e muito a quantidade recomendada de sódio no nosso dia. Um perigo, pois pode causar inchaço e até mesmo causar problemas cardiovasculares.

Os cogumelos queridinhos, shitake e shimeji, geralmente são preparados com muitaaa manteiga!

Todavia, mesmo com esses malefícios, vou passar algumas dicas que sempre uso e assim você pode ir a restaurante japonês sem grandes estragos à sua saúde e sua dieta.

 Dilua o molho shoyo com água. Coloco um pouco de shoyo light no nozoki (aquele potinho de colocar o molho) e coloco a outra parte de água. Assim, você cai pela metade o consumo de sódio.

 Evite comer qualquer coisa que tenha gohan (arroz Japonês). Assim você já cai para zero o consumo de açúcar e carboidratos pobres dele. Seu corpo agradece

 Opte por Ceviches, Sashimis, e carpacchio de peixe. Eles são ricos em proteínas, muito leves e  sem dúvida, a melhor pedida do restaurante.

wpid-img_20151215_224429.jpg
Ceviche. Maravilhoso!!

Coma Edamame. Nada mais é do que ervilhas de soja. É uma delícia e uma xícara de Edamame possui 14g de proteína e 13g de fibras. Muito rico!

Edamame, o meu predileto!
Edamame, o meu predileto!

 Peça Shimeji sem manteiga. Só aí você já economiza muita gordura saturada no seu organismo.

 Não coma as frituras. Ou coma uma pecinha de cada, para matar a vontade. Use o bom senso.. 🙂

Comendo com moderação, a culinária japonesa pode ser uma aliada à sua alimentação saudável, pois tem inúmeros benefícios tal qual o ômega-3 do salmão, um tipo de gordura importante para o coração; a ação termogênica e anti inflamatória do gengibre; a soja no auxílio da redução do colesterol; a fibra presente nas algas; o cogumelo na melhora da imunidade; o chá verde para um bom funcionamento digestivo.

Enfim, renda-se à comida japonesa seguindo essas dicas  e seja feliz! 🙂

Me siga no instagram e acompanhe o meu dia-a-dia, dicas e post de receitas! @CamilaMissFit 

Beijos,

Camila

MissFit

Analista de Sistemas por formação. Miss por paixão. Ecdemomaníaca, já pisou em 4 países num único dia. Descobriu sua paixão pelo mundo da endorfina e agora a sua missão é ajudar a transformar a sua vida com energia!

XSLT by CarLake