A saga de voltar às corridas.

Oi gente!

Já faz 3 meses que não faço uma prova de corrida. Quem me acompanha nas redes sociais (@CamilaMissFit no insta) viu que eu adquiri uma lesão lá em Miami e me limitou até mesmo de fazer um trote. Com isso tive que buscar outros tipos de esportes que não solicitasse tanto a panturrilha e pudesse me manter ativa, como minhas aventuras no Stand up paddle e mergulhos de snorkel. Mas ainda assim não é a mesma coisa do que fazer nosso esporte predileto e acabei me indisciplinando até mesmo na alimentação (desculpa Nutri 🙁 ).

Fui convidada pela Asics para fazer a Golden Four etapa São Paulo e isso me fez tomar rumo a um novo objetivo: de estar recuperada para completar os 21km da prova. Ainda em Miami comecei um tratamento com o Beto Marmo, um grande profissional e agora um grande amigo, que de prontidão estava disposto a ajudar a me recuperar mais rápido, foi um anjo que apareceu! E assim iniciei meu tratamento à base de muita massagem, exercícios específicos e um aparelhinho de estímulos elétricos endorfínicos chamado Compex.

wpid-2015-08-01-11.11.06.jpg.jpeg

Fui melhorando gradativamente e comecei a trotar na grama (para não ter muito impacto) e quando voltei para o Brasil continuei com todo o trabalho de recuperação com a minha coach. Corridas na grama e com os pés descalços, exercícios educativos, tudo executado com orientação para nada dar errado.

 wpid-screenshot_2015-08-01-11-19-42-1.png

Para entender melhor o que estava acontecendo fui na Osteopata Bárbara Fahur e foi onde tive a minha maior surpresa: eu estava com uma perna maior que a outra devido a um desequilíbrio no quadril e provavelmente era a partir daí que estava vindo todo o problema. Caraca!

Foi só ela colocar tudo no lugar e continuar com os exercícios de fortalecimento e resistência que em cerca de uma semana já não existiam mais as dores que tanto me preocupava. Estou livre delas!

Além disso, fui na clínica Espaço BodyB para fazer uma drenagem linfática e ajudar a eliminar o ácido lático do longão de 15km que tinha feito. Não sabia que era tão útil e isso vai ser assunto do próximo post.

Agora é que vem o problema maior.. a mente.

asics

Neste exato momento me resumo em dois sentimentos: Medo e ansiedade.

Ansiedade porque faltam 20 horas e 20 minutos para a largada e o coração palpita! E para dar ainda mais emoção, ao abrir o site da prova, junto da contagem regressiva, tá estampada uma foto minha correndo, como se ela tivesse mandando um recado. Ai Deus!

Medo porque pode doer de novo, porque posso ter que abandonar a prova no meio do caminho.

Mas só de tentar eu já me sinto uma vitoriosa. Porque ruim mesmo é quem nem ao menos se arrisca para se superar ou para arriscar coisas novas na vida. Então eu estou super feliz de me jogar nessa!

Muito obrigada a todos os profissionais envolvidos, vocês são sempre incríveis comigo.

Corridas de rua.. cheguei novamente. E agora é pra ficar! Que venha mais uma Meia Maratona. Deus no comando! 🙂

Beijo!

Camila.

MissFit

Analista de Sistemas por formação. Miss por paixão. Ecdemomaníaca, já pisou em 4 países num único dia. Descobriu sua paixão pelo mundo da endorfina e agora a sua missão é ajudar a transformar a sua vida com energia!

Comentários

XSLT by CarLake